BoxCsat 168 – O Beijo das Gay

Ainda dá tempo de comentar o fim da novela?

FEED – Clique com o botão direito, copie o link e cole no seu iTunes

Se dá tempo ou não, não importa… Comentamos do mesmo jeito. Com participação especial de um convidado querido desse podcast.

 

0 resposta para “BoxCsat 168 – O Beijo das Gay”

  1. Eu achei o terceiro o melhor episódio de Looking. Mas concordo com o que Ana disse sobre que já tá chato a trapalhada semanal de Patrick, assim como a série tá bem superficial.

    PS: Se é assim tão fácil, também quero me convidar pro podcast! hahahahaha =P

  2. Final de Coven foi realmente um cu. Pior temporada de AHS.
    Tô me decepcionando um pouco com Looking. Simplesmente falta história. Não sei, tô sentindo falta disso. São 27/28 minutos pra 8 ou 10 episódios, então não pode ficar enrolando, tem que botar história logo. A impressão que eu tenho de Looking hoje é que é uma série dispensável, ainda não mostrou a que veio, e se mostrou tá bem fraco.
    E não admito Ana e Caio falarem mal de Bates Motel. A primeira temporada não foi perfeita, mas não merece ser tratada do jeito que vocês tratam, pronto falei.
    E COMASSIM o Caio só viu a primeira temporada de Queer as Folk?!?! Já estou indo aí pra lhe dar uma lampadada na cara.
    Tô curtindo essa temporada de The Following, mas alguém pode me dizer se o James Purefoy é americano? Porque ele tem um sotaque estranho, ele fala estranho, não sei se a voz do ator é assim mesmo ou ele faz pro personagem, mas me dá uma agonia, é meio irritante.

    1. O James é inglês e o sotaque dele é britânico (normal, mas ele tem uma voz grave e tal). Sobre Bates Motel, quem merece lampadada na cara é o sr. Quatro episódios bons e a série foi ladeira abaixo até seu season finale. Pufavô! Sobre Looking, acho que falta o Mr Big – já que estávamos comparando com Sex and the City, que era uma série também de meia hora, que não era exatamente comédia e tinha uma história que ficávamos ansiosos para ver o próximo capítulo.

      1. Bem que desconfiei!
        Hahahaha mooorto! Pra mim Bates Motel foi ÓTIMA até o sexto episódio. Os outros quatro foram fracos. Mas a série tem uma qualidade técnica impecável, tem Vera Farmiga, os roteiros dos ótimos episódios também são bons, teve mais episódios bons do que ruins, então eu peguei amor pela série logo na primeira temporada.
        Nunca vi Sex and the City, não sou tão velho assim, desculpa =****. Em Looking tá faltando, como tu mesmo diz Ana, babado, gritaria, confusão, tapa na cara! Eu quero logo alguém sendo espancado, traído, atropelado, ou coisa do tipo porque tá zZzZzzZ.

    2. Ao invés de me dar uma lâmpada, me dê um box da série completa. kkkkkk Gente, nem lembro de ter gongado Bates Motel. Mas pelo jeito deve ter sido extremamente ofensivo o que dissemos sobre este lixo.
      ALOK

  3. Ô gente, não dá vocês falando mal de Bates Motel em… a primeira temporada não foi perfeita, teve seus erros sim, mas devemos respeitar né.

    Já AHS… sinceramente viu, palhaçada, se eu pegar o Rhyan mando ele pra baixa da égua. Ele conseguiu em 13 episódios destruir um tema que tinha tudo pra dar certo.

    E sinceramente tentei duas vezes assistir Hannibal mas não consegui 🙁

    1. Não entendo pq devemos respeitar uma série que já foi ruim na primeira temporada. Tudo bem que não é uma Once Upon a Time. Mas… Ainda vou ver. Quem sabe se recupera. Mas por enquanto só manchou o legado de Norman e Hitchcock.

  4. Ai, não falem assim de Bates Motel #chateada kkkkk
    Final de coven foi o pior de todos, me decepcionei demais, coloquei todas as minhas esperanças nesse season finale pra render a temporada lixosa, mas não, continuei decepcionada, fazer o que.

  5. Só tenho uma coisa pra dizer do final de Couve: triste! Tinha tudo pra ser uma temporada ótimas mas cagaram em tudo, pra mim a série começou a derrapar na chegada do Axeman e de ficarem ressuscitando quem morria sem parar. Preciosa prometia como aprendiz de Laveau mas cagaram, Lalaurie não prestou pra nada no final, plot Kyle Frankstein foi terrível e outras coisas mais que me dá até raiva de citar… quando vi aquele começou com o clipe de Stevie Nicks já me desanimei total. Triste titia Ryan, triste esse final e essa temporada.
    Até agora The (Un)Following não derrapou, já esperava aquele twist do episódio 3 pois aquela moça tava muito tranquila pra alguém que presenciou um chacina. Outra coisa :FBI tá de parabéns pela invasão a casa da Emma e os seguidores,chegaram atirando em tudo sem esperar eles reagirem. Nem parecia o mesmo FBI da 1ª temporada.

    PS: Ana, esse seu comentário da legenda de TF me lembrou de uma Parenthood recentemente que no final do episódio colocaram “A família desmoronando e a véia pensando em viajar” kkkkkkkkk
    PS2: Ana, digo isso mais uma vez: ADOOOOOOOORO os seus “Braseeel”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *